Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Já são 32 os Estados em que todas as pessoas podem casar nos EUA

O Wyoming tornou-se o 32º Estado a legalizar o casamento entre pessoas do mesmo sexo nos EUA. O primeiro casamento no Wyoming aconteceu esta terça-feira.

Depois de no início do mês cinco Estados (Utah, Indiana, Oklahoma, Virgínia e Wisconsin) terem avançado com a legalização da igualdade no acesso ao casamento, ficou aberta a porta para que, em menos de duas semanas, a lista passasse a incluir mais oito estados: Idaho, Arizona, Alasca, Colorado, Nevada , Carolina do Norte, West Virginia e Wyoming. 

No caso do Estado do Wyoming a decisão de passar a considerar legal o casamento entre pessoas do mesmo sexo ficou a dever-se a um conjunto de legisladores que recusaram validar uma lei estatal que considerava o casamento como "um contrato entre um homem e uma mulher".

Esta decisão é particularmente significativa dado ter sido neste Estado onde Matthew Shepard, um jovem estudante da Universidade do Wyoming, foi morto em 1998 devido a um crime de ódio, que chocou a América e teve várias repercussões no mundo, inclusive em Portugal.

Em 1998, apenas 30 por cento da população deste Estado era favorável ao casamento entre pessoas do mesmo sexo. Cerca de 15 anos depois a percentagem de apoio à igualdade no casamento subiu para os 54 por cento de acordo com uma sondagem do Pew Research Center.

Neste momento 61 por cento da população dos EUA reside num Estado com igualdade no acesso ao casamento. Muito em breve a jurisprudência pode vir a ter efeitos em mais três Estados: Kansas, Montana e Carolina do Sul.