Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Foi um fim de semana de Orgulho em Faro, Lisboa, no Porto e nas Caldas da Rainha

DSC_24601656280822641 (1).jpg

Faro, Lisboa, Caldas da Rainha e Porto. O arco-íris saiu às ruas este fim-de-semana em Portugal, mas não só.

O fim-de-semana de celebração do Orgulho começou em Faro na sexta à noite com a terceira edição da Gala Xis, organizada pelas associações MAPS e Xis. Fotos aqui.

A gala antecedeu a terceira Marcha do Orgulho LGBTI+ que percorreu as ruas da cidade de Faro.
A Marcha do Orgulho de Faro reuniu mais de um milhar de participantes que culminaram num arraial montado para o efeito na baixa da capital algarvia com o apoio da Câmara e de várias negócios privados. Muitas figuras da comunidade LGBTI marcaram presença com destaque para Stefani Duvet. Fotos aqui.

 

Já em Lisboa, uma semana depois da Marcha já é tradição realizar-se o Arraial Lisboa Pride no Terreiro do Paço. Este ano a praça encheu-se rapidamente de pessoas fruto das muitas barraquinhas presentes onde se encontravam associações e vários negócios como bares ou lojas de artesanato ou tatuagens.

A música ficou a cargo de vários artistas convidadas com destaque para Ágata, a cabeça de cartaz, e vários outros nomes ligados à comunidade LGBTI+, como é o caso das M3dusa, Puta da Silva, Pump the Beat, Herlander, Sonja entre outros.

A apresentação coube a JNoir e Lola Herself.

Carlos Moedas, o novo presidente da Câmara Municipal de Lisboa marcou presença no certame.
"É isto que uma cidade tem de ser. Para todos e com todos" afirmou o autarca ladeado pelos dirigentes da Ilga Portugal.

 

No Porto foi a vez da 17ª Marcha do Orgulho LGBTI+. Marcharam mais de 10 mil pessoas segundo os números oficiais. Foram muitas as reivindicações que se voltaram a ouvir e se puderem ler nos cartazes das ruas da Invicta.
A marcha iniciou, como é habitual, na Praça da República pelas 15 horas, mas em vez de se dirigir para o viaduto Gonçalo Cristóvão seguiu para a Cedofeita terminando no Largo Amor de Perdição. Aí decorreu o Arraial + Orgulhoso do Porto com vários artistas da comunidade LGBTI+ convidados a mostrar o seu trabalho. Destaque para banda SLR, Judas, Kitty Sweet, Orlando Drag King, Banda de call center, Peter and Simone e o DJ set do Água.
Fotos enviadas pelos leitores do dezanove aqui.

 

Álbum de Fotos de Catarina Vieira aqui 

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por dezanove.pt (@dezanovept)

 

Hoje Domingo, foi a vez das Caldas da Rainha organizar a primeira Marcha do Orgulho LGBTI da localidade. Algumas centenas de pessoas reuniram-se num parque da cidade e percorreram as ruas.

Fotos aqui

 

Um fim-de-semana que ficou marcado pela tragédia de Oslo. Apesar das mortes, feridos, do ataque ao bar gay e da Marcha do Orgulho ter sido cancelada várias dezenas de pessoas acabaram por marchar nas ruas da capital norueguesa desafiando o medo.

Lá fora, foi a vez do Orgulho se celebrar e percorrer as ruas de Santiago, em Cabo Verde, conforme podes ver nas nossas redes sociais.

 

Foto de capa: Catarina Vieira @acav._


Mais fotos deste fim-de-semana no Facebook do dezanove.