Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Telavive. É aqui que se vai realizar a Eurovisão em 2019

TelAvive Eurovision 2019.jpg

A 64.ª edição anual do Festival Eurovisão da Canção será realizada em Telavive.   

A segunda maior cidade do país é amplamente conhecida como a cidade non-stop de Israel, localizada na costa do Mediterrâneo, com cerca de 400 mil habitantes. O evento musical estará sediado na EXPO Tel Aviv (Centro Internacional de Convenções).

Expo Tel Aviv venue 1.jpg

O festival será realizado pela terceira vez em Israel, (já foi realizado em Jerusalém em 1979 e 1999),  depois de Netta Barzilai ter conquistado a edição deste ano, realizada em Lisboa, com a canção Toy. Israel já participou 42 vezes neste certame, vencendo ao todo quatro edições. No entanto, em 1979, quando venceu pela segunda vez consecutiva, decidiu não realizar o evento novamente.

Depois de muita especulação, as datas para o concurso de 2019 também foram reveladas esta quinta-feira pela organização. As semi-finais do Eurovision Song Contest acontecerão em Telavive nos dias 14 e 16 de Maio, com a Grande Final a acontecer no dia 18 de Maio. 

Jon Ola Sand, Supervisor Executivo da EBU para o Festival Eurovisão da Canção, disse: "Gostaríamos de agradecer a todas as cidades israelitas que se candidataram para sediar o Eurovision Song Contest de 2019, e ao canal KAN que realizou uma avaliação completa e especializada para nos ajudar a tomar a decisão final. Todas as propostas eram exemplares, mas no final decidimos que Telavive oferecia a melhor configuração geral para o maior evento de música ao vivo do mundo. Estamos empolgados em trazer o concurso para uma nova cidade e estamos ansiosos para trabalhar em conjunto com a KAN para tornar o Festival Eurovisão da Canção de 2019 ainda mais espetacular. ”
Frank-Dieter Freiling, presidente do Grupo de Referência do ESC comentou: “Estamos ansiosos para trabalhar com o canal KAN para trazer este concurso para Telavive pela primeira vez. “Esperamos receber garantias do primeiro-ministro nesta semana em relação à segurança, acesso para todos, liberdade de expressão e garantia da natureza não-política do concurso. Essas garantias são imperativas para que possamos avançar no planeamento do evento e defender os valores de diversidade e inclusividade do Eurovision Song Contest ”.

Os ingressos para as semi-finais e para a final do Eurovision Song Contest estarão disponíveis até o final do ano. Preve-se que este evento seja visto por mais de 200 milhões de espectadores em todo o mundo.

 

Ao contrário do inicialmente avançado as celebrações do Orgulho LGBTI de Telavive não se farão na semana contígua ao Festival da Eurovisão, mas sim no mês seguinte: a 14 de Junho de 2019.