Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Rússia e Ucrânia mostram atraso de 50 anos na igualdade

Lorenzo e Pedro gay couple Portugal.jpeg

Olá Pessoas Sexys!

Estamos de volta com outra crónica aqui no dezanove.pt. Desta vez não foi preciso ir até ao Irão. Ficámos pela Europa.

Podem ficar descansados, que ninguém foi enforcado ou morto em praça pública. Mas não estamos assim tão longe dessa realidade.

Depois da legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo em todos os 50 Estados Unidos da América. Um canal de YouTube russo, Cheburussia TV, decidiu fazer uma experiência social para descobrir qual a reacção das pessoas ao verem dois homens a andar de mãos dadas nas ruas de Moscovo:

Após esse vídeo chegar à internet, um casal homossexual repetiu a experiência, mas desta vez em Kiev, capital da Ucrânia:

Resumindo o que se passou numa palavra: bárbaro!

É impressionante ver duas cidades tão desenvolvidas, com edifícios modernos, ruas limpas, pessoas bem vestidas, carros a respeitar os semáforos e a lista continua. Kiev e Moscovo são duas capitais supostamente modernas e evoluídas!

No vídeo, se retirássemos os dois homens de mãos dadas da imagem, tudo parecia normal. Todos parecem respeitar-se, todos seguem as leis, parece que estamos numa qualquer capital europeia em 2015.

Mas a realidade é outra! Duas pessoas do mesmo sexo que se amem e que queriam ser livres como todos os outros, não vão ter essa sorte. Desde insultos, encontrões, pontapés, murros e até gás pimenta! Sim, ouviram bem, quando um casal gay se senta num banco de rua ao colo um do outro, é melhor fechar os olhos.

É deprimente assistir às reacções das pessoas perante algo tão normal como dois homens apaixonados. Revolta-nos! Sentimo-nos tristes, angustiados e com raiva. Parece que regredimos, no mínimo, 50 anos.

Mas a culpa não é só das mentalidades das pessoas, é do governo que as educa e dos seus líderes. A Rússia por exemplo é liderada por um homem que diz coisas como: " Nas Olimpíadas de Inverno, os gays são bem-vindos, mas por favor deixem as crianças em paz! "ou "A nova lei proclamada é: Banir a promoção de pedofilia e da homossexualidade " e ainda " Não temos nada contra os homossexuais na Rússia, podem sentir-se livres, mas larguem as crianças!"

Será possível que um país com mais de 150 milhões de habitantes seja liderado por alguém que nos compara a pedófilos?!?!?

A mentalidade da maioria deste povo quanto a direitos humanos, respeito e igualdade é agressiva e primitiva. 

Moscovo e Kiev são agora duas cidades que riscamos do nosso mapa de futuras viagens. 

Visto ambos os filmes terem mais de 11 milhões de visualizações, ficamos à espera do primeiro líder político que se pronuncie publicamente contra estas acções e que faça um apelo à Rússia e à Ucrânia. Queremos que os nossos líderes políticos falem com os seus representantes russos e ucranianos para que estes se dirijam ao seu povo e se manifestem contra estas atitudes. Isto é o mínimo a ser feito.

E quanto a vocês, Portugueses, nós prometemos-vos uma coisa: Para a semana vamos fazer a mesma experiência social nas ruas de Lisboa. E temos a certeza que vos vamos mostrar um vídeo muito diferente destes dois que estes que visualizamos. 

Porque em Portugal, podemos ser pequeninos em tamanho, mas no que toca a igualdade e respeito queremos ser um grande exemplo para aqueles que nos vêem na Rússia e na Ucrânia!

 

Não se esqueçam de sorrir!

Lorenzo e Pedro

 

8 comentários

Comentar