Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Menina de 11 anos escreve carta a Barack Obama: "Somos iguais a toda a gente"

Uma menina trangénera de onze anos de idade escreveu uma carta em resposta ao discurso de tomada de posse do Presidente Obama. Sadie Croft, residente no estado norte-americano do Arizona sentiu-se inspirada a escrever esta carta após o discurso – que foi o primeiro de sempre onde se falou dos direitos de gays e lésbicas – mas que não mencionou as pessoas transgéneras.

A mãe da menina declarou não estar surpreendida com esta carta, pois Sadie sempre foi muito extrovertida e articulada.

Na carta intitulada “O Mundo de Sonho da Sadie”, a menina  aborda temas como a transfobia nas escolas e locais de trabalho, discriminação e o estigma a que muitas pessoas trans estão sujeitas.

Sadie começou a sua transição quando estava no jardim escola e foi ensinada em casa até ao 5º ano, altura em que foi finalmente aceite numa escola pública, escreve: “As crianças transgéneras como eu não são aceites nas escolas porque os professores acham que somos diferentes. […] Dizem às outras crianças para não serem nossos amigos, o que nos torna muito sós e tristes.”

A menina conclui a carta com um desejo para o futuro: "O mundo seria melhor se toda a gente soubesse que as pessoas transgéneras têm os mesmos sonhos e esperanças [...] Não é muito difícil gostar de pessoas transgéneras porque nós somos iguais a toda a gente."

 

 

Lúcia Vieira

 

Já segues o dezanove no Facebook?