Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

A Mulher Trans Negra e a luta que segue por fazer

banner opiniao_Eduardo Pedreiro.png

Tenho vindo a reunir vários pensamentos ao longo dos anos sobre as nossas lutas e movimentos por direitos. Nos últimos dias, dei por mim preso a um: se desconstruirmos as ‘fobias’ e o racismo à sua última variável, verificamos que há um valor em falta. Esse vazio define-as a todas de forma comum: a ausência do princípio que diz que tu tens de olhar para o outro com o mesmo valor com que te olhas a ti mesmo.

 

 

Denúncias de violência sexual em tempos de covid-19

Quebrar o Silêncio 2.jpg

No primeiro semestre de 2020, a Quebrar o Silêncio recebeu cerca de 10 novos casos por mês de homens e rapazes vítimas de violência sexual. São 59 novos pedidos de apoio de sobreviventes e um aumento de 18% face a 2019. No total, 310 homens e rapazes procuraram apoio durante os três anos e meio de actividade da Quebrar o Silêncio.

Relações LGBTI e Bullying Homo/Bi/Trans/Interfóbico: As ideias de uma conversa informal em Coimbra

bullying-3096216_960_720.jpg

Realizou-se no dia 6 de Junho uma conversa informal sobre as Relações LGBTI e Bullying Homo/Bi/Trans/Interfóbico, promovida pela rede ex aequo e Núcleo de Estudantes de Biologia - Associação Académica de Coimbra. Apresentamos agora as principais conclusões.

Vídeo de instagramer trans faz aumentar homofobia em Marrocos

desert-1101123_1280.jpg

Está a aumentar a homofobia em Marrocos. Desta vez, o foco foi uma instagramer trans marroquina, que vive na Turquia, e que incentivou a homofobia no seu país de origem. Ela mostrou como instalar a app e localizar gays no Grindr, uma aplicação de encontros dirigida a homens que têm sexo com homens.

Intolerância crescente contra a população LGBTI na Polónia (com vídeos)

Foto: Silar Wikimedia CC BY-SA

Actualmente a Polónia tem vivenciado um aumento do discurso de ódio e discriminação contra as pessoas LGBTI. Exemplos disso são as situações, cada vez mais frequentes, de grupos organizados que invadem e perturbam desfiles de orgulho LGBTI realizados em várias cidades polacas.

 

Bares querem saber quando voltam a abrir portas

largo camoes.jpg

Um grupo de responsáveis por bares e negócios situados na freguesia da Misericórdia, que abrange o Bairro Alto e o Príncipe Real, em Lisboa, organizam esta quinta-feira uma acção de sensibilização, com várias reivindicações. Vários estabelecimentos LGBTI estarão presentes.

 

 

Estudo: Estar confinado e não poder expressar a identidade LGBT+ em casa

quadro 1.jpg

Seis em cada 10 jovens LGBTI portugueses consideram que a pandemia da covid-19 afectou bastante a sua vida, sentindo-se muito ou mesmo extremamente limitados para realizar actividades habituais. A maior parte dos jovens manifestou um receio moderado de infecção com o novo coronavírus, sendo que três em cada 10 tinham um receio bastante elevado de vir a ser infectados.

Juventude do CDS da Madeira dá o exemplo no combate à discriminação e demarca-se do presidente da Juventude Popular

pjimage (45).jpg

O Dia Mundial de Luta contra a Homofobia, Transfobia e Bifobia vincou as diferenças entre a direcção da Juventude Popular e a Juventude Popular da Madeira. Os jovens do CDS do arquipélago tiveram de explicar ao presidente da JP, Francisco Mota (na foto), que o governo regional da Madeira e a juventude do partido têm já um historial de apoio às pessoas LGBT.