Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

Praia 19 entre as 11 melhores do mundo

O jornal online Gay Star News escolheu a Praia 19, na Costa da Caparica, como uma das 11 melhores do mundo para o turismo LGBT. A praia nudista portuguesa é comparada por aquele jornal britânico a conhecidos destinos como a Fire Island, em Nova Iorque ou a Bondi beach, em Sydney.

O artigo descreve-a como sendo uma das praias mais extensas da Europa, com variada oferta em restauração e internet gratuita. A actividade sexual na área é mencionada, mas logo desvalorizada, em função de um lugar ao sol e de um merecido mergulho no Atlântico. O jornal remete por engano para uma foto da praia do Tamariz, em Cascais, razão pela qual se possa acreditar que a referida “variada” oferta em restauração e internet livre pertença, de facto, àquela praia da Linha...

O artigo termina mencionando, ainda que de forma incompleta, o meio e horários para chegar de transportes públicos à praia 19. Já num outro website, gaysurfers.net, esta informação é bastante mais detalhada, incluindo opções de viagem em cacilheiro, comboio e diferentes autocarros e até tempos de viagem estimados.

 

E onde ficam as restantes 10 praias recomendadas?

- Playa Manuel Antonio, na Costa Rica

- Hilton Beach, Tel Aviv, Israel

- Cap d’Agde, Montpellier, França

- Fire Island, Nova Iorque, Estados Unidos da América

- Herring Cove, Provincetown, Massachussets, Estados Unidos da América

- Mar bella, Barcelona, Espanha

- Bondi Beach, Sydney, Austrália

- Playa de los Muertos, Puerto Vallarta, México,

- Sandy Bay, Cape Town, África do Sul

- Praia da Galheta, Florianópolis, Brasil

A inclusão da Praia 19 nesta lista exclusiva é de especial importância turística, uma vez que o Gay Star News é seguido em todo o mundo por cerca de 1 milhão e meio de internautas. O jornal foi criado em Londres em 2011 e tem como anunciantes empresas como a Lufthansa, a Hertz e a Microsoft.

 

Turismo LGBT: Big Bucks

Segundo fontes oficiais, Portugal viu crescer as suas receitas turísticas em 644 milhões de Euros de 2012 para 2013, com o turista inglês a encabeçar as dormidas: cerca de 7 milhões de súbditos de Isabel II preferiram o nosso país, 28% ficando na região de Lisboa.

Ainda que seja difícil quantificar a proporção de turistas LGBT que visita o nosso país, há estudos internacionais que nos dão um indicador da importância deste segmento. Na edição de 2013 de um estudo gerido pela empresa de estatística de mercado Community Marketing Inc. (CMI), - previamente citado pela revista Forbes –  foram entrevistados 100.000 gays e lésbicas americanos sobre os seus hábitos de turismo. A CMI estima que a comunidade LGBT americana tenha gasto 70 mil milhões de dólares, só no seu país. Os resultados do estudo da amostra são surpreendentes:

- Viajaram em média sete vezes por ano: quatro em diversão e três a trabalho.

- A faixa etária masculina dos 45-64 anos prefere viajar em cruzeiros. Carnival Cruise Line, Royal Caribbean and Holland America são as empresas preferidas. Destas, apenas a Holland America passa por Portugal: Portimão, Lisboa e Leixões.

- a maioria prefere ficar em hotéis com boa relação qualidade-preço, desde que tenham internet gratuita. Os homens tendem a gostar de hotéis com uma estética mais moderna.

- O que os motiva a viajar? Relaxar e descansar são verbos usados tanto por homens como mulheres. Os substantivos romance e natureza são usados mais por mulheres. Os homens gay e bissexuais procuram locais temáticos.

- Quantos mais velho o homem, mais provável é ficar hospedado em alojamento LGBT.

- Gostam de planear as suas viagens, e tendem a incluir eventos do Orgulho Gay (Prides). Eventos Bear começam a ganhar notoriedade entre os homens, enquanto que as mulheres não procuram um tipo de evento em particular.

 


This photo of LisbonBeach is courtesy of TripAdvisor

 

E Portugal? O que pode ganhar com o turismo LGBT?

Os números do turismo em Portugal aumentam todos os anos, ora motivados pela oferta turística sol e mar, ora pelas viagens city breaks – por exemplo, a Ryanair começou a voar para Lisboa em Abril - , ou ainda por novas rotas, como os cruzeiros no Douro.

Vários relatórios recentes posicionam Portugal no topo dos países com maior aceitação e/ou protecção de pessoas LGBT, a par do Reino Unido, Espanha e países nórdicos. Em suma, os números mostram que não só os turistas gay, lésbicas ou transexuais não têm nada a temer em vir a Portugal, como o nosso país tem a capacidade de os receber muito bem.

Enquanto isto a Praia 19 lá continua: virgem, excitante e isolada – a meros três transportes públicos de Lisboa, mas a ainda mais anos luz do Tamariz.

 

5 comentários

Comentar