Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dezanove
A Saber

As notícias de Portugal e do Mundo

A Fazer

Boas ideias para dentro e fora de casa

A Cuidar

As melhores dicas para uma vida ‘cool’ e saudável

A Ver

As imagens e os vídeos do momento

Praia 19

Nem na mata se encontram histórias assim

Publicidade

E quando um director de um canal de televisão espanhol insulta uma cidadã? (vídeo)

Xavier Horcajo é director geral editorial do canal de televisão Intereconomía e teceu os seguintes comentários num programa matinal espanhol: “Esta Carla, Carlos, Carlitos, Carlines ou o que quer que seja a Antonelli, é esta senhora de aspecto saudável, a maria-rapaz-qualquer coisa que vai integrar a lista de Tomás Gómez às eleições de um Madrid plural e cosmopolita como ele costuma dizer. Seguindo esse critério imagino que na mesma lista também haja um pescador, um tipo do Botswana, uma senhora do Alasca e até um pescador de pérolas nas Ilhas Marianas, se é para demonstrar a diversidade que existe na cosmopolita cidade de Madrid.”

No programa "Outro gallo cantaría" Horcajo acrescentou “se estamos a falar das listas de um partido que tem por bandeira a solidariedade e a justiça social, acho que seria mais lógico que se apresentasse um desempregado, que falasse de ideias sobre emprego. Gostava que se houvesse alguém com síndroma de Down ou com sida”.

Estas declarações surgiram no seguimento das notícias que dão conta da candidatura de Carla Antonelli a deputada no próximo acto eleitoral da capital espanhola.

Do outro lado da fronteira já circula uma petição para que Horcajo peça desculpas públicas pelas suas declarações transfóbicas e comparações depreciativas.

Em Julho de 2010 o mesmo canal já se tinha colocado nos holofotes da polémica quando foi multado pelo Ministério da Indústria em 100 mil euros devido a um anúncio considerado homofóbico.